segunda-feira, 18 de agosto de 2014

POR QUE DESINTOXICAR?

A INTOXICAÇÃO DO ORGANISMO se deve pelo contato com substâncias toxicas seja pela alimentação, inalação, contato pela pele ou por substâncias produzidas internamente pelo próprio organismo. Essas substâncias alteram o comportamento, desordenam as células e devem ser eliminadas pelo corpo, sendo 60% delas eliminadas pelo fígado.

Alguns sinais de intoxicação são: cansaço excessivo, fadiga mental, dores de cabeça, obesidade, irritabilidade e infertilidade.

Uma dieta de desintoxicação fornece ao fígado todos os nutrientes necessários para a eliminação de toxinas, promovendo uma "limpeza", e o resultado é a melhora de muitos dos sintomas, trazendo de volta o bem estar.

LIVRETOX RED: ESSENCIAL NA DESINTOXICAÇÃO



- Limpa o organismo e emagrece
- Estimula a saída de toxinas do organismo
- Desincha o corpo
- Alta concentração de antioxidantes graças a seus extratos ativos
- Produto natural e saudável para promover a eliminação das toxinas diárias
- Facilita o trânsito intestinal
- Presença de fibras prebiótica que estimulam o crescimento das bactérias benéficas ao intestino
- Renovação celular, beleza e rejuvenescimento provenientes do poder dos ingredientes selecionados
- Se consumido diariamente e combinado com uma alimentação saudável ajuda a cuidar do corpo de dentro para fora


LIVRETOX GREEN: DESINTOXIQUE-SE!



O tempo todo estamos expostos à poluição presente no ar, principalmente as pessoas que vivem nas grandes cidades. Associado a isso, o estilo de vida agitado acaba por desfavorecer a procura por uma dieta saudável. Acabamos, portanto, ingerindo grande quantidade de
produtos industrializados, que contêm enorme carga de conservantes, aditivos alimentares, resíduos de agrotóxico e outras substâncias nocivas ao organismo.

Muitas vezes, o processo natural de desintoxicação através da alimentação não é suficiente para eliminar estas substâncias, pois com a agitação do dia-a-dia fica difícil obtermos todos os nutrientes necessários nas nossas refeições. A complementação nutricional feita com vitaminas, minerais, aminoácidos são fundamentais para ajudar na metabolização e eliminação das toxinas, especialmente por proporcionar melhor funcionamento intestinal, fígado e rins,
responsáveis respectivamente pela desintoxicação e eliminação dos compostos tóxicos, reequilibrando e restaurando o organismo. Desintoxicar, limpar e depurar o organismo é a primeira iniciativa para regenerar o corpo, conquistar a saúde e eliminar os resíduos e toxinas
que se acumulam no nosso intestino.

Para fazer valer à característica desintoxicante, a bebida deve ter potencial de estimular o corpo, sobretudo o fígado, a eliminar as toxinas. Ingredientes de coloração esverdeada que encorpam a bebida, como couve, salsinha, espinafre, agrião, rúcula e repolho, são os
principais responsáveis pelos múltiplos benefícios. E o suco verde ainda diminui a retenção de líquidos a partir da melhora da circulação sanguínea e linfática. Neste contexto, quem se beneficia é a pele, que fica livre das celulites, por exemplo. O suco verde também é bem-vindo no cardápio de quem pratica atividade física e busca resultados estéticos. Uma dose da bebida é capaz de fornecer a energia e suprir as necessidades nutricionais de quem vai se exercitar,
já que combina fontes de carboidrato e nutrientes antioxidantes.


O Instantâneo Livretox também conhecido como suco verde serve para desintoxicar e é uma ótima maneira de eliminar toxinas do corpo, diminuir a retenção hídrica e conseguir mais vitalidade física e mental. Contém ingredientes ideais para restaurar a energia do corpo,
eliminando toxinas, fazendo com que o corpo funcione melhor. Livretox também auxilia na perda de peso.

*Beijinhos
Aline Munhoz

domingo, 17 de agosto de 2014

Dieta e atividades físicas para manutenção da saúde óssea

Uma alimentação balanceada e atividade física são fórmulas do sucesso para quem busca ter mais saúde e qualidade de vida, principalmente na opinião de profissionais da saúde. Saiba como a dieta junto de atividades físicas é fundamental para a manutenção da saúde óssea. 


Para uma melhor manutenção da saúde óssea é preciso ingerir vitaminas e minerais específicos, auxiliando no fortalecimento dos ossos. Entre alguns nutrientes que exercem efeito de forma significativa no desenvolvimento da massa óssea, estão o fósforo, cálcio, vitaminas D e K e o magnésio.

Estes precisam estar presentes na dieta, mas em quantidades adequadas. No caso do fósforo, do magnésio e do cálcio, eles são necessários para a mineralização óssea, que acontece ao longo da vida e por ciclos.  

Denominado “pico de massa óssea”, o primeiro ciclo ocorre até aos 28 anos de idade, onde há a maior formação do tecido ósseo. Com a ingestão adequada dos minerais na infância e adolescência, com o avanço da idade é possível reduzir o risco de sofrer fraturas.

É recomendado uma ingestão diariamente de cálcio em 1.000 miligramas, de magnésio é de 300 miligramas para adolescentes, 320 miligramas para mulheres, 400 miligramas para homens e 240 miligramas para crianças e de fósforo, de 700 miligramas. Após o segundo ciclo acontece a consolidação do tecido ósseo e por último, o ciclo de perda da massa óssea, que é quando os ossos começam a enfraquecer pela idade e quando todos os minerais consumidos durante o primeiro ciclo poderão fazer a diferença.   

A importância das vitaminas para a manutenção da saúde óssea

Com a vitamina D, que estimula a absorção do cálcio, ela regula o metabolismo do fósforo e ainda auxilia para a formação e a maturação do tecido ósseo. Especialistas recomendam uma ingestão diária de 600UI, mas lembrando que a absorção é melhor pela exposição da pele ao sol.

No caso da vitamina K, ela atua como uma facilitadora da ação das proteínas que estão no processo de mineralização óssea. No caso dos homens, o ideal é que eles tenham um consumo de 120 microgramas ao dia e as mulheres 90 microgramas diariamente.


Se você quiser atingir todas as recomendações de ingestão, é preciso se atentar aos alimentos que possuem uma maior quantidade de todos os nutrientes. Você encontra o cálcio em leite e seus derivados, além das bebidas à base de soja. A vitamina D você encontra em peixes e a vitamina K em vegetais da cor verde-escuros. O fósforo está presente em carnes e oleaginosas e o magnésio em frutas e hortaliças. 

 Mas é preciso ter um acompanhamento médico para que ele lhe indique os alimentos ideais para a saúde de seus ossos. Nesse caso, com um bom plano de saúde você pode encontrar excelentes médicos para orientá-lo e que ofereça um atendimento diferenciado e voltado às suas necessidades.

Alimentação x prática de atividades físicas duplicam benefícios à saúde óssea

Os exercícios de força e médio impacto, principalmente, contribuem para uma melhora na densidade mineral, evitando a perda de massa óssea conforme a pessoa vai envelhecendo. Sem contar que a atividade física melhora também a força, a flexibilidade das articulações e a massa muscular.

Uma ingestão inadequada desses nutrientes que estão relacionados à saúde óssea e ao sedentarismo, antecipa o aparecimento de algumas doenças bem comuns no envelhecimento, como a osteomalácia e a osteoporose, deixando o corpo poroso e gerando fraturas.

Portanto, se você deseja uma melhor saúde óssea, terá que praticar atividades físicas e ter uma alimentação balanceada, consumindo de forma adequada todos os nutrientes que estão ligados a uma melhora da saúde óssea. Ao adotar esses hábitos de vida saudáveis, você fortalecerá seus ossos e melhorará também a saúde de todo seu organismo, prevenindo assim doenças.

Imagem: www.revistaevidencia.com

*Beijinhos

Aline Munhoz

domingo, 10 de agosto de 2014

Vitalin lança Web Série com receitas sem glúten

A Vitalin, empresa que atua no mercado de alimentos saudáveis, lança Web Série com receitas exclusivas sem glúten e sem lactose, desenvolvidas em parceria com a chef Renata Macena, especialista em gastronomia funcional. São seis receitas, entre doces e salgados, que levam ingredientes saudáveis e nutritivos, como quinoa, amaranto e chia.
Cada uma será apresentada semanalmente, até o dia 05 de setembro, nos canais Vitalin – youtube, facebook, instagram e site da marca. A primeira é o bolinho de quinoa e o vídeo com a receita pode ser conferido no link abaixo:
https://www.youtuBolinho de Quinoa Vitalin
Rendimento: 16 unidades – 45g/unid (aproximadamente)
Calorias por porção: 100 Kcal

Ingredientes:
100g de quinoa em grãos Vitalin (1/2 xíc. de chá)
50g de quinoa vermelha em grãos Vitalin (1/4 xíc. de chá)
30g de farinha de chia Vitalin (2 c. sopa)
40g de amaranto em flocos Vitalin (1/4 xíc. de chá), um pouco mais se necessário.
40g de quinoa em flocos Vitalin (1/4 xíc. de chá)
2 ovos orgânicos batidos
40g de manjericão fresco picado (¼ xíc. de chá)
1 cenoura pequena ralada
1 cebola pequena, finamente picada
50g de mussarela sem lactose ralada (1/3 xíc. de chá)
5g de sal marinho (½ c. chá)
Pimenta-do-reino a gosto
45ml de azeite (3 c. sopa)

Preparo:
Cozinhe a quinoa conforme instrução da embalagem. Depois de cozida, misture-a com os ovos e o sal em uma tigela.  Adicione o manjericão, o queijo, a cenoura e a cebola. Junte a farinha de chia, os flocos de quinoa e o amaranto, deixe descansar para que a quinoa e o amaranto em flocos possam absorver um pouco da umidade. A mistura deve ser facilmente modelada, sem cair aos pedaços.  Se necessário, acrescente mais algumas colheres de amaranto em flocos e deixe descansar mais alguns minutos. Modele bolinhas e leve para assar uma assadeira untada com azeite ou coloque papel-manteiga, em forno preaquecido a 190°C por 20 minutos. 
De acordo com a nutricionista da Vitalin, Alline Cristina Schüncke, a Web Série foi desenvolvida com a proposta de oferecer aos consumidores receitas sem alimentos alergênicos e práticas de preparar. “Uma das maiores queixas de quem tem a doença celíaca ou intolerância ao glúten ou a lactose é a falta de opção para receitas sem esses ingredientes”, afirma a nutricionista. Diante desse fato, a Vitalin buscou por uma chef que já desenvolve um trabalho com preparações saudáveis e livres de glúten. Renata Macena é celíaca e há seis anos se dedica às receitas gluten free, isentas de ingredientes como trigo, cevada, malte, centeio.

Confira as próximas preparações e alguns de seus ingredientes com os principais benefícios para a saúde:
Guacamole com amaranto
Amaranto: fonte de carboidrato e proteínas, com todos os aminoácidos essenciais ao organismo. Contém fibras, cálcio, fósforo e selênio, um nutriente com grande ação antioxidante. Pode auxiliar no controle do colesterol e glicemia devido a seu alto teor de fibras.
Abacate: rico em gorduras insaturadas e vitamina E, um poderoso antioxidante que combate o envelhecimento celular. Também é fonte de betassitosterol, um nutriente que ajuda no controle do cortisol, hormônio do estresse.
Pastel integral de forno
Gergelim: fonte de gorduras poli-insaturadas, gorduras boas que contribuem para o controle do colesterol sanguíneo. Também é rico em fibras e possui grande quantidade de cálcio.
Berinjela: fonte de fibras, vitaminas C e do complexo B, bem como minerais: magnésio, zinco, manganês, fósforo e potássio. A casca é rica em antioxidantes, por isso contribui para reduzir os danos causados pelo excesso de radicais livres. Além disso, possui poucas calorias.
Bolo com granola, amora e damasco
Granola sem Glúten: elaborada com cereais integrais, fonte de ômega-3 e fibras – contribui para o controle do colesterol sanguíneo.
 Farinha de arroz integral: é rica em fibras, minerais – como magnésio – e vitaminas – como as do complexo B, além de carboidratos de baixo índice glicêmico, ou seja, não causam pico de glicose no sangue.
 Bolo festa de morango
Farinha de amaranto: naturalmente isenta de glúten, é fonte de fibras, contribui para redução do colesterol e controle do diabetes.
Açúcar mascavo: não passa por processo de refinamento, por isso preserva grande parte de nutrientes. É fonte de ferro, fósforo e cálcio, minerais essenciais para o bom funcionamento do organismo.
Baunilha: possui óleos essenciais e antioxidantes que contribuem para proteger o organismo contra os efeitos nocivos dos radicais livres, como doenças cardiovasculares e câncer.
Torta cookie
Chia: é fonte de ômega-3, um ácido graxo que não é produzido no organismo e, por isso, deve ser obtido por meio da alimentação – auxilia na prevenção de doenças cardiovasculares.
 Cookies sem Glúten: no sabor amaranto com cacau, são fontes de proteína, ferro e fibras.
Physalis: contém aminoácidos essenciais, ferro e vitaminas C e do complexo B, além de betacaroteno, um antioxidante que pode contribuir para a proteção da pele contra os danos dos raios solares.
*Beijinhos
Aline Munhoz

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

8 de Agosto dia Nacional do combate ao colesterol

Vitalin dá dicas para prevenção do colesterol

O colesterol alterado é um mal que afeta quase metade da população brasileira, sendo um fator de risco modificável para as doenças cardiovasculares, ou seja, pode ser prevenido pela alimentação saudável e a prática de atividade física.  É uma substância importante para o corpo, já que participa da produção de alguns hormônios e da vitamina D, mas se torna prejudicial quando seu nível no sangue fica acima do normal, facilitando a formação de placas de gorduras nas artérias e prejudicando a passagem do sangue.
No dia 8 de agosto acontece o Dia Nacional de Combate ao Colesterol como forma de alertar a população sobre os riscos para a saúde que o colesterol alto causa. Entre as causas do alto colesterol estão a predisposição hereditária, hipertensão, diabetes, tabagismo, má alimentação e sedentarismo. Por não apresentar sintomas, o colesterol alterado é detectado por meio de exames no sangue, nos quais são analisados os níveis de colesterol total, LDL (colesterol ruim) e HDL (colesterol bom).
Após diagnóstico positivo, o primeiro passo é a mudança na dieta. De acordo com a nutricionista da Vitalin, Alline Cristina Schüncke, a alimentação é fundamental tanto na prevenção quanto no tratamento do colesterol alto. “Quando detectada a alteração no colesterol, recomenda-se mudanças nos hábitos alimentares como forma de incluir alimentos que tragam benefícios à saúde, já que por meio da alimentação é possível controlar os níveis de colesterol”, afirma a profissional.
Alimentos ricos em gordura saturada, trans, sódio e embutidos devem ser excluídos da alimentação. A prioridade é a variedade de frutas, legumes, verduras, cereais, temperos naturais em substituição ao sal, carnes magras cozidas, grelhadas ou assadas. O consumo de fibras também é importante, já que se “ligam” ao colesterol e favorecem a sua eliminação.  Além da alimentação, o combate ao sedentarismo é essencial para a prevenção do colesterol alto. A prática regular de atividade física ajuda a reduzir o LDL e favorecer o HDL. O ideal é, no mínimo, 30 minutos de exercícios por dia, de acordo com a Organização Mundial da Saúde.
A nutricionista da Vitalin dá dicas de alimentos que ajudam na prevenção e tratamento deste mal e, por isso, devem fazer parte de uma dieta que combate o colesterol elevado:
Amaranto: fonte de fibras, ajuda a reduzir o colesterol, a pressão arterial e a controlar a glicemia. O grão oferece todos os aminoácidos essenciais ao organismo, além do carboidrato e proteínas.
Quinoa: um dos alimentos mais completos que existe, ajuda a controlar o funcionamento intestinal, absorção de colesterol e glicose
Chia e linhaça: são fontes de ômega-3, um tipo de gordura essencial para o funcionamento do organismo e que ajuda na redução do colesterol ruim e controle da pressão arterial. A linhaça promove alterações hormonais, que podem ajudar a reduzir os níveis de colesterol total e LDL.
Chá verde: possui catequinas, um polifenol que ajuda no combate ao colesterol. Além disso, é interessante para o emagrecimento e tem ação digestiva.
Biomassa de banana verde: rica em amido resistente, um tipo de fibra que colabora para o crescimento das bactérias benéficas do intestino e que dificulta a absorção do colesterol.
Aveia: fornece fibras que contribuem para controlar o colesterol sanguíneo ao se ligarem aos ácidos biliares, reduzindo a absorção de colesterol e gordura.
Azeite extravirgem: rico em gorduras monoinsaturadas, que ajudam a aumentar o LDL e controlar o colesterol. Além disso, tem ação antioxidante.
Confira uma receita sugerida pela nutricionista, que pode ser incorporada a um cardápio anticolesterol:
Kibe Assado com Amaranto
Rendimento: 15 porções
Calorias: 130 Kcal por porção
kibe_amaranto.jpg
Ingredientes:
Massa
1 kg de carne magra moída (patinho)
1 xícara (chá) de trigo para kibe deixado de molho por 1 hora
100g de Amaranto em Flocos Orgânico Vitalin
2 dentes de alho picados
1 cebola grande ralada
2 colheres (sopa) de salsa picada
¼ de xícara (chá) de hortelã picada
2 colheres (sopa) de Zaatar (tempero misto árabe)
Sal, pimenta moída e cominho a gosto
Azeite de oliva para regar
Recheio:
2 cenouras médias raladas
250 g de espinafre, picados com talo e tudo
1 dente de alho picado
1 colher (sobremesa) de azeite de oliva
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto
Massa:
Escorra o trigo de kibe tirando todo o líquido possível. Acrescente os demais ingredientes misturando bem. Prove e ajuste o tempero se necessário. Em uma forma untada com azeite de oliva, distribua metade do preparado de carne. Distribua o recheio por toda a superfície. Cubra com o restante do preparado de carne. Alise a superfície e regue com bastante azeite de oliva. Leve ao forno para assar por 30 minutos aproximadamente. Corte ainda na assadeira e sirva.
Recheio:Em uma panela coloque o azeite e o alho e refogue até o alho dourar. Acrescente o espinafre picado e refogue até murchar levemente. Acrescente a cenoura ralada e tempere com sal e pimenta. Refogue por 3 minutos e desligue. Reserve.
Sobre a Vitalin
Localizada em Jaraguá do Sul, Santa Catarina, a Vitalin atua no mercado de alimentos orgânicos e integrais desde 2000 e tem como principal objetivo contribuir para o enriquecimento do cardápio dos brasileiros com alimentos saudáveis e nutritivos. Para isso, a empresa busca em diversas culturas e regiões de mundo produtos que proporcionam bem-estar e qualidade de vida aos consumidores. A Vitalin conta com três linhas de produtos: Orgânico, Integral e Sem Glúten e está presente em todos os estados brasileiros. 
*Beijinhos
Aline Munhoz